segunda-feira, 12 de maio de 2008

Baco


Gravidez implica, como toda a gente sabe, abdicar de beber bebidas alcoólicas. E não tem sido uma coisa que me custe especialmente.


Contudo, ontem fomos passar o dia à Herdade do Esporão, onde aproveitámos para ver a herdade num passeio de jipe, fazer um curso de vinhos (conhecer os vinhos e seus aromas) e almoçar no fantástico restaurante da herdade.


Até consegui fazer os cursos, pois experimentar o vinho implica cheirar, provar e cuspir, e cheirar novamente. O pior foi quando passámos ao almoço: enquanto o meu marido se deliciava com uma qualidade diferente de vinho por cada prato (todos eles absolutamente deliciosos), eu bebia água do Luso...


Confesso que nunca tinha sentido tanto a falta de vinho numa refeição, especialmente quando chegámos à parte das bochechas de porco assadas com arroz de passas.


Obviamente que lá voltaremos, mas desta feita sem restrições :)

7 comentários:

Mamã Pirata disse...

Maldade levar uma grávida a um pitéu desses.

LOl.

BJs e tudo de bom.

Silvia's Decoração disse...

visite o nosso blog:

silviasdecoracao.blogspot.com

felicidades!!!:)

Anónimo disse...

Cuidado com esse provar e cuspir, o alcoól não é só absorvido quando está da goela para baixo. Começa a ser absorvido ainda na boca, pelas mucosas.

Su disse...

Parabéns! Não há dia que não veja uma grávida a facilitar neste assunto... ou é só um brinde, ou só um golo, ou misturado...

Anónimo disse...

De facto já tenho lido grávidas "famosas" a incitar a ingestão do alcool, pensando que só um golinho ou um brinde não faz mal. Está cientificamente provado que mesmo uma quantidade mínima é prejudicial nesta situação, sendo até mais grave do que o tabaco.

O Atelier da Imaginação disse...

Encontrei o teu blog e achei muito interessante.

Aproveito também para te convidar a visitares o meu blog, http://oatelierdaimaginacao.blogspot.com, talvez te interesses por algo para o rebento ou para ti.

Beijocas
O atelier

Lua no Deserto disse...

Espero que tenhas gostado da minha terrinha! Eheh! Abril e Maio são os meses que mais aconselho para a visitar. Espero que ainda tenhas apanhado tudo florido, porque só dura umas 3 semaninhas antes de secar tudo outra vez.

E depois volta com o teu pequerrucho. Aquele ar faz maravilhas!

Beijinhos