segunda-feira, 31 de março de 2008

Febre

Dois dentes de cima a romper. Chegou aos 39.9 C esta noite. Que pânico.
Hoje está melhor, a febre já desceu.

Alguém está a passar ou já passou pelo mesmo, dentes a nascer e febrões deste calibre?

domingo, 30 de março de 2008

Ora aqui está

Algo que não encontro em supermercado nenhum!!
Alguém sabe o que se passa??
Deixou de existir o 3??
hummm










edit: segundo a nestlé este produto esteve em rotura durante muitas semanas, mas já temos stock, agora é uma questão de reposição no ponto de venda.

sábado, 29 de março de 2008

Possivelmente

O seu prato preferido até hoje:
Frango guisado com ervilhas e cenouras acompanhado de arroz branco :)
Imagino que tenha gostado mais porque improvisei um refogado baby-friendly, com um fiozinho de primeiro azeite galo, uma cebolinha e um dente de alho - que deixei aloirar tão palidamente como um norueguês nos meses de inverno - e uma mísera pitadinha de flor de sal, depois juntei o frango e só mais tarde a àgua, as ervilhas e a cenoura. Usei a panela de pressão pois é a maneira que conheço para ser mais rápido e ficar com o frango mais tenro e a sair facilmente do osso.
Como é algo mais trabalhoso para andar a fazer todos os dias fiz logo uma enorme quantidade e armazenei para alternar com outras refeições já feitas durante os próximos dias. Para isso costumo usar os copos Via da Avent de que sou enorme fã :D
Não façam como eu que encho os copos até cá cima e depois volta e meia, já congelados, saltam-lhes as tampas :$


frango guisado, originally uploaded by supertatas.



congelador, originally uploaded by supertatas.

sexta-feira, 28 de março de 2008

11 meses (falta um dia)

Depois de uma Páscoa bem passada em que se fartou de andar de triciclo, noto algumas novidades no M. Como tinha gostado muito da mesa das "abelhinhas" da Chicco onde brincou em casa da Tatas, a avó ofereceu-lhe uma e tem adorado. Faz verdadeiras maratonas à volta da mesa, dando passinhos. Depois passa da mesa para o puff e do puff agarra uma das nossas mãos para continuar a andar.

Bate umas palminhas muito peculiares, mas bom, lá vai batendo e ri-se muito.

As noites é que continuam animadas. Biberon da meia-noite indispensável, às vezes acorda de madrugada ou para brincar ( : ) ou porque lhe caíu a chucha e no máximo às sete e meia já está a berrar pela sua meia de leite.

Quanto aos dentes, continua com os seus dois resistentes em baixo. Em cima, a gengiva está prestes a explodir com 40 dentes de uma vez e isso reflecte-se na sua disposição.

Quanto a festas de aniversário, o 1º ano de vida é especial e tem de ser assinalado. Estamos a pensar fazer um jantar para família mais próxima (avós e irmãos). Já se começa também a falar de baptizado, sobre o qual eu não faço questão mas o resto da família gostava.

10 meses

Para este Mini-Mini-Minúsculo hoje \o/
Como agora só há consulta aos 12 meses não temos novidades relativamente a pesos, alturas etc, mas temos outras;
Deixou de aceitar o biberon à meia-noite e nunca mais acordou às quatro da manhã a refilar com fome como fazia quando tentei não lho dar das outras vezes, e subitamente passou a aceitar o biberon da manhã com prazer. Sendo assim, depois do jantar, muda de fralda, lava os dentes!!! (com uma escova que adoooora :') e morde e quer segurar sozinho), e vai para a cama para só acordar no dia seguinte às 8/9; muito bom para mim, que posso finalmente passar a dormir muitas horas seguidas outra vez :D
Passámos fora as férias da Páscoa e, para além de lhe nascido o sexto dente, dormiu muito bem no mesmo quarto que eu (a partir da segunda noite), sem aquelas festas nocturnas que me faziam voltar mais cansada das férias do que o que já estava antes de ir. Parece que a coisa se está a compor :D
Continua a gatinhar só com uma perna (suponho que já não mudará de estilo!??) mas agora com uma velocidade incrível e põe-se em pé com muita destreza (qualquer coisa serve de apoio para isto), dá muitos passinhos contornando qualquer tipo de objecto, é muito afoito, sempre a explorar e a meter-se em sarilhos (passo a vida a usar o Mr Bump na sua testa!!!), como tal torna-se impossível mantê-lo ao colo ou preso numa cadeira; dá muitos guinchos de descontentamento (como nunca mais se decide a aprender a falar, uma palavrinha que seja!, desde que aprendeu a guinchar tem usado e abusado deste novo feature; o que é deveras adorável para mim que estou com ele todo o dia e muito charmoso quando estamos num sítio público) enquanto se contorce acrobaticamente para se soltar.
Felizmente, o parque continua a ser um sítio em que ele ainda se aguenta uns tempinhos (só de manhã), os suficientes para eu poder manter a casa mais, ou menos :/ :O, apresentável.


10 meses, originally uploaded by supertatas.

quarta-feira, 26 de março de 2008

Da professora agredida

Devo ser a última pessoa a ver as imagens da professora agredida por uma aluna na sala de aula, quando não lhe devolveu o telemóvel "confiscado".
Fiquei bastante incomodada com o que vi (o filme pode ser visto no link que incluo abaixo) e sobretudo com o que tinha já ouvido na TSF sobre o assunto. Ao que parece, a professora não bateu na aluna porque esse procedimento ainda não está previsto no Estatuto do Aluno. Fez mal. Também não consta do Estatuto do Aluno que este é um selvagem sem educação, que humilha e agride o professor, e no entanto...
Perante o cenário que vi, custa-me a crer que haja pessoas que venham a público defender que os alunos não têm culpa, que a culpa é do meio, esse meio que tem as costas tão largas e que serve para defender o indefensável.
O aluno rouba: a culpa é do meio.
O aluno espanca: a culpa é do meio.
O aluno viola: a culpa é do meio.
Não é. E digo que não é, porque trabalhando numa faculdade e reportando este post à minha modesta experiência no assunto, acabo de estar com uma aluna, que ingressou neste Instituto pelo concurso Maiores de 23 (antigo sistema Ad-hoc, que permite que alguém com o 9º ingresse directamente no Ensino Superior através da prestação de provas).
Essa aluna, chamada Maria, de nacionalidade Angolana é casada e tem dois filhos. Lava escadas e faz umas horas como empregada doméstica. O marido, operário da construção, está desempregado. Os filhos, de 1 e 3 anos, vão com ela para o emprego porque ela já não tem dinheiro para pagar o infantário.
Ela está a tirar um curso superior, estuda, vai às aulas e aplica-se apesar de morar num sítio mal afamado.
E a culpa é do meio?

Voltando às imagens, se eu fosse aquela professora tenho a certeza que não aguentava tanto. Dava duas bofetadas na cara da aluna porque ela só age assim porque sabe que actualmente as crianças e adolescentes não podem ser contrariadas, porque ficam traumatizadas. Têm disciplinas de Formação Cívica mas depois nem português sabem falar. Se ela não soubesse isso, não teria agido como uma selvagem, nem ela, nem o idiota que está a filmar a cena.

Uma palavra também para o Sindicato dos Professores que se manifestam aos milhares no meio da rua, mas na hora de defender esta coitada, ninguém lhes ouve os gritos de ordem.

Assim não vamos lá. E se isto é a escola pública, tenho a certeza que o meu filho não vai para lá. Não duvido que cenas semelhantes se passem nos colégios privados, a diferença é que nesses para qualquer um dos lados, eu posso protestar e ser ouvida e sei que o meu filho está a ser disciplinado e ensinado. Sem ser traumatizado.

http://clix.expresso.pt/gen.pl?p=stories&op=view&fokey=ex.stories/272662

segunda-feira, 24 de março de 2008

Barriga

A gravidez é o estado em que a nossa barriga deixa de ser nossa, e passa a ser um bem que toda a gente acha que é seu e tem direito a pôr a mão.

quarta-feira, 19 de março de 2008

Neste dia tão cinzento

Deixo aqui uns desejos coloridos de felicidade a todos os Papás!


harte, originally uploaded by supertatas
Minúsculo a trabalhar arduamente no presente do seu pai, que já o recebeu e babou :')

terça-feira, 18 de março de 2008

Quem é

Que ensinou este Minúsculo a guinchar?????
É tãoooo adorável :/

05.49 h

05.49 h

Uma berraria dos infernos. Nada o acalmava.
Fralda? Check.
Frio? Check.
Calor? Check.
Bálsamo para os dentes? Check.
Chucha? Check.

A berraria continua.

Biberon de 250 ml com 3 colheres papa lá dentro. Check.

Calou-se e dormiu.

Agora expliquem-me como é que é possível isto acontecer depois de ter comido três conchas de sopa de peixe + meia manga + uma bolacha ao jantar (20.00h) e à meia noite ter bebido 180 ml de leite.

É um salto de crescimento? É uma pequena enfardadeira ? É o monstro das bolachas?
Eu acho que a resposta é a d) Todas as anteriores...

segunda-feira, 17 de março de 2008

Cama nova


Desde que nasceu, o M. já vai na 3ª cama. Tem a quem saír: os pais, em quatro anos de casados já mudaram 3 vezes de casa.

Começou por dormir numa alcofa de verga que durou até aos 3,5 meses. Depois passou para a cama de grades que tinha sido do pai e essa mudança coincidiu com a entrada no seu quarto. Só que essa cama, apesar de muito gira, tinha dois grandes inconvenientes: a distância entre as grades era grande, o que fazia com que déssemos com ele com as pernas lá enfiadas e o estrado ficava muito alto em relação ao tamanho das grades. Como ele agora já se senta sozinho, já se agarra às grades e põe-se de pé (finalmente) e como a cama lhe dava pelo peito, estávamos a temer o pior pelo que hoje montámos uma cama do IKEA.

É uma cama enorme (parece um parque) óptima para ele e péssima para os pais porque como o estrado fica lá no fundo e dado que eu tenho 1,50 m de altura, quase que me atiro para o ir buscar lá abaixo. Mas bom, ele ficou todo contente, tem imenso espaço para se mexer e é uma cama boa para o deixar se for preciso eu me ausentar por uns minutos noutro lado da casa, sem ter medo que ele caia dali.

Estrias



Fiquei hoje a saber que para além de ter de pôr creme na barriga e nos seios, tenho ainda de pôr creme no cóccix!

E esta, ein?

domingo, 16 de março de 2008

Hoje fomos ao zoo

Que está muito arranjadinho e cheiinho de actividades.
Este Minúsculo gostou especialmente dos passarinhos, papagaios, tucanos, águias, enfim, tudo o que voava! (já imaginava isso pelo entusiasmo que demonstra quando vê patos e pombos no parque ou na rua.) Também se manifestou alegremente para os golfinhos aos saltos, para o tigre, o chimpanzé e os búfalos, que nem sequer se estavam a mexer e são mesmo feios :O
Infelizmente não esteve um dia bonito, mas foi um dia muito bem passado; o dia em que lhe nasceu o quinto dente, desta vez em baixo :D



a ver os leões marinhos, originally uploaded by supertatas.



hipos :'), originally uploaded by supertatas.


sábado, 15 de março de 2008

Sábado



Da parte da manhã descobriu o fabuloso mundo da AEG e ajudou-me a estender roupa espalhando as molas pelo chão.
De tarde fomos ao Guincho ver um mar a sério e ficámos cheios de areia por todo o lado.

sexta-feira, 14 de março de 2008

Queria apanhar as bolinhas de sabão

Queria sugá-las para dentro do seu cilindro mágico e barril fenómeno!!


bolinhas de sabão, originally uploaded by supertatas.

quinta-feira, 13 de março de 2008

É um valente

Este Minúsculo!, porque hoje no parque, enquanto a Bia berrava e a Sofia e eu os empurrámos em fuga, a sete pés! e com o coração nas amígdalas, do terrível ataque dos gansos esfomeados, continuou a comer a sua bolacha e não se engasgou :')

terça-feira, 11 de março de 2008

Este é um prato

Que este Minúsculo gosta muito:
- cotovelinhos
- bróculos
- uma fatia de fiambre de frango ( embalagem aberta na hora, sempre)
- 30ml de leite em pó preparado

Cozo a massa e os bróculos em água até ficarem al dente e depois escorro, junto o fiambre em pedacinhos pequenos e o leite e deixo cozer mais um pouco até engrossar o leite e ficar tipo molho. Fica muito saboroso mesmo sem sal nenhum, o fiambre encarrega-se disso.
Também fica muito bem com peixe, cenouras, frango, carne de vaca etc etc. Demora cerca de 10 minutos.
É um prato que não se deve fazer a mais e deixar para outros dias porque leva leite em pó.


massinhas, originally uploaded by supertatas.

Reparei que

E assim de repente, as roupas começaram a ficar-lhe estupidamente curtas, nas mangas e no gancho da fralda. (Confirma-se a medrança dos últimos tempos???)
Fui à gaveta buscar os poucos bodys que tenho de tamanho acima, 12-18, que, confesso, estavam reservados mais para o verão, bom, achei-os enormes naturalmente, mas não é que lhe estão impecáveis??
E pensar que no dia em que nasceu o babygrow amarelo lhe estava grande e agora, nove meses uma semana e cinco dias depois, já veste o body das risquinhas :')


babygrows, originally uploaded by supertatas.

segunda-feira, 10 de março de 2008

Lá fomos nós

A Sofia e eu, munidas de Bia e Minúsculo para o CCB. O espectáculo que queriamos ter visto estava esgotado, mas fomos-nos encher de cultura para exposição Berardo onde eles puderam andar a gatinhar e a brincar à vontade, rodeados de harte, ou de, errrrrrr, pantones gigantes!? :/
Ficou muito cansado, está a dormir imenso desde que chegou. Anda um dorminhoco :O Vai lá vai!

The question is:

Porque é que este Minúsculo delira tanto com isto? :'D

domingo, 9 de março de 2008

Porque nunca nos cansamos

Lá fomos nós outra vez ao peixanário. Desta vez tinha o tanque central todo só para ele e gatinhou à vontade por todo o lado, a grande diferença foi que já se pôs em pé no vidro e já se tentou largar entre palmadas entusiasmadas: temo que os tem-tens estejam para breve :))


a gatinhar, originally uploaded by supertatas.



em pé, originally uploaded by supertatas.

Pés na areia


Pés na areia, originally uploaded by juliana_way.

Pela 1ª vez na praia. O dia foi mal escolhido, estava quase a chover e frio e a praia também estava imunda. Ainda assim, soube bem e ele gostou da sensação.

sexta-feira, 7 de março de 2008

Este rapaz

Já se percebeu que, por causa dos dentes ou algo de novo que está a apender, fica sempre com os sonos irregulares e irrequietos etc, mas como depois da tempestade vem sempre a bonança, passam-se dias como hoje, de inércia, para repor energias suponho; em que ele se deitou ontem às 20.30, bebeu leite às 02:00 antes de eu ir dormir, e, bom, aqui estou eu ainda à espera que ele acorde!
São quase 11 da manhã :/ Isto é o quê? Um salto de crescimento de 40 cms?
*edit, um minuto depois, já acordou :)
é que, oblá!, já me aborreço muito sem ele!!!

quinta-feira, 6 de março de 2008

Ultrapassada

Já há que tempos, mas com louvor e distinção, aquela outra fase, entrámos, já há uns dias valentes, na fase do Adho Mukha Svanasana, executado com perícia até à exaustão inúmeras vezes por dia.

quarta-feira, 5 de março de 2008

Soutien

Ontem comprei o meu primeiro soutien de grávida! Com direito a aumento de copa e de tamanho. Não é lá muito bonito: é em algodão, branco, sem rendas nem adereços e super simples, mas a necessidade a isso obriga...

O próximo passo é a cinta!

Há um ano atrás - 31 semanas de gravidez



Porque

Anda sempre a brincar com o que não deve e a fazer asneiras, entre elas, a sua preferida, roubar-me o telémovel, já recebo mensagens destas :)


asneirinhas, originally uploaded by supertatas.

:|

Como disse no post anterior, deitei-o às oito da noite e dormiu muito bem até à uma e tal altura em que acordou para o leite (agora acorda com fome). Depois, nada o acalmou. Ficou acordado, animadíssimo pensando que eram 3 da tarde até perto das 5 da manhã. Arrastou-se, falou, ria-se dava pontapés... enfim... uma noite muito bem passada.

terça-feira, 4 de março de 2008

Sapatos


Ando aqui com umas dúvidas relativamente aos sapatos do M. Ele anda sempre com os mesmos, uns que comprei na Pareil Aux Mesmes (spelling please) de sola mole.
O que me chateia é que está sempre a descalçá-los porque são muito molinhos e outra coisa que também me leva a crer que ele precisa de outro género de sapatos é o facto de andar em pontas dos pés.
Que sapatos têm vocês para os vossos bebés? Quanto custam? São de sola dura? São de que marca?
Está aberto o fórum.

Por causa

Do último post da Charlotte lembrei-me que, porque tenho tempo e sou muito inventadeira na cozinha, volta e meia poderei postar aqui alguns dos pratos que este Minúsculo vai comendo e suas respectivas receitas.
Por enquanto a coisa ainda não diverge muito dos ingredientes que todas usamos nas sopas apresentados como sólidos aos poucos e poucos para que se habitue, mas a tendência é tornarem-se mais elaborados até porque, principalmente ao almoço quando estamos certamente os dois sozinhos, tento sempre fazer algo que dê para comermos os dois.
Não queria deixar de recomendar uns livros que acho deliciosos, o já muito badalado 1, 2, 3 Uma colher de cada vez, o requintadíssimo Cozinhar para os pequeninos e o mimoso A que sabe esta história?.


Entretanto aqui fica a pescada com puré de abóbora, bróculos e um fio primeiro azeite galo.
E sim, é mesmo verdade, eu também almocei isto :O



peixe, originally uploaded by supertatas.

Notícias

O M. já está óptimo, a recuperar muito bem, sem ranho (obrigada Actifed) e sem dores (obrigada antibiótico). Eu, por outro lado, estou com febre e com todas as articulações a doer. Deve ser (mais uma) gripe no entanto, a médica a que fui, uma Dr.House à portuguesa, mandou-me fazer análises a tudo e mais alguma coisa, desde brucelose a mononucleose, porque acha estranho eu ficar doente tantas vezes em 6 meses. Expliquei-lhe que tinha um bebé no "infectário" e que ele próprio já tinha trazido bichos para casa, mas ela ainda assim não se convenceu. Deixei uma "litrada" de sangue e vamos esperar que seja só uma gripe motivada por um sistema imunitário nas lonas desde que tive o M.
Quanto a noites: depois de duas noites dos infernos,a adormecer pelas onze e tal e a acordar várias vezes sem motivo nenhum, hoje chamei uma das avós para o cansar e não dormiu sesta ao fim da tarde (normalmente dorme sempre uma hora antes do banho). Deitei-o às oito sem dramas e está tudo a correr bem.
De novidades temos um rastejar à Rambo muito desenvolvido que já lhe permite percorrer grandes distâncias e que só não é gatinhar porque o chão é de madeira e ele escorrega. Estou a pensar fazer-lhe umas joelheiras de napa (como nós tínhamos nos anos 80 para poupar as calças) para ele não escorregar. Também já se põe em pé a partir da posição de sentado só à força de braços, porque ainda não percebeu que se puser de joelhos é mais fácil dar o impulso. Nada de palminhas, nada de dizer adeus, apenas uma enorme conversa, com grande variedade de sílabas. Mamã, Papá e Cá (cão) já fazem parte do repertório.

Hoje de manhã

Encontrámos o Teddy que tinha sido da minha mãe e da sua irmã, meu e do meu irmão, e que agora lhe dei.


teddy, originally uploaded by supertatas.



teddy, originally uploaded by supertatas.



Brincámos com as laranjas que o pai trouxe da terra,


laranjas, originally uploaded by supertatas.



e depois comêmo-las!


laranjas, originally uploaded by supertatas.



Não tiveram grande sucesso, há que confessar, ficou-se por comer apenas 3 ou 4 gomos.
Ao lanche, agora depois de ele acordar da sesta e antes do passeio, experimentaremos aquela receita clássica com banana e bolacha, a ver :)

Sonhos

Desde que estou grávida que tenho tido sonhos estranhíssimos. Ora estou na selva, ora em viagem com pessoas que nunca vi, ora o meu marido me deixou, ora estou a cantar no karaoke com amigos e vizinhos, enfim... todas as noites são um desassossego!

Vá lá que nenhum dos meus últimos sonhos chega aos calcanhares do sonho tenebroso que eu tive já há alguns anos atrás e do qual nunca me esqueci: a minha mãe, cheia de botox e toda esticadinha, cor de cenoura do solário... a namorar com o Jardel :S

segunda-feira, 3 de março de 2008

Baralha e volta a dar

Cá estou eu de novo, para o que espero ser um post em que me dêem umas dicas. Como alguém me lançou uma praga, o M. agora está numa fase muito difícil. Ainda está a ser medicado para uma otite e estomatite (doença que por vezes confundo e digo mastite ... enfim... ) e já está a melhorar. O que me preocupa agora é que ele, se estiver sozinho em casa comigo ou com o pai, não consegue estar sozinho numa divisão. Quando vos digo não consegue é porque, se estamos na sala a brincar e eu vou à cozinha buscar um copo de água, ele desata aos gritos. Assim que eu chego à sala, cala-se :
O mesmo se passa para dormir. Ele que dantes era deixado na cama, à hora dele, com o ursinho, a chucha e um beijinho de boa noite ou boa tarde, agora chora se eu ou o pai não estamos ali ao alcance da sua vista até ele adormecer.
O ficar com ele até adormecer não é grave, ainda que seja um retrocesso nas rotinas que já tínhamos, o problema é a choradeira nas outras horas do dia, isto porque tenho medo que ele esteja a criar uma dependência exagerada, que sei que é normal nesta fase e eu não saiba lidar com ela, alimentando-a.
Já tentei de tudo, deixá-lo a chorar mais do que 5 minutos (ele não pára), pegar-lhe ao colo e andar com ele pela casa enquanto faço o que tenho a fazer (ele pára de chorar e eu agravo os meus problemas de coluna) ou (a solução que me parece menos desiquilibrada), enquanto estou na cozinha, sento-o na cadeira. Mas, para outras tarefas mais curtas não me faz sentido andar com ele atrás, e ele aí tem de chorar e perceber que não é porque a mãe saiu da sala que desapareceu para sempre.
Bem sei que isto vai passar (por favor) mas digam-me, já passaram ou estão a passar pelo mesmo?