segunda-feira, 15 de janeiro de 2007

Com muito mais Yin que Yang

É como estou, e com tudo o que isso implica - seja lá isso o que fôr, mas com mais algumas sessões ficarei como nova; isto da acupunctura resulta! Finalmente estou para aqui a respirar, como se fosse uma habitante do planeta Vic Vaporub!, com uma suplesse abismal podendo regeressar então à rotina diária.
Entretanto, devo partilhar: os pontapés que sinto são de uma delicadeza e suavidade extrema pelo que então começo a desconfiar que será mesmo uma menina, e sendo assim terei que a pôr no ballet :')

1 comentários:

Sonia disse...

:)))
valha-nos a medicina alternativa, senão estavamos tramadas!