segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Falei cedo demais

Ainda esta semana disse que ele andava muito bem, há muito tempo que não ficava doente. Pois. De Sábado para Domingo passou uma noite horrível, sempre a tossir. No Domingo ainda fomos ao Oceanário, mas ao fim do dia ficou com febre. Não anda a comer nada e está com o nariz todo entupido. Hoje vai ao médico. A ver...


Update
Na consulta o médico concluíu que o M. tinha pieira, farfalheira (eu acho que só os portugueses é que têm estes nomes para problemas respiratórios), garganta inflamada e ouvido inflamado, ou seja, está violentamente atacado. Ventilan, Atrovent e antibiótico (Augmentin).
Ontem à noite chegou aos 39,5 de febre e hoje de manhã apanhei o susto da minha vida (mais um , este puto ainda me vai provocar um enfarte) quando, ao acordar (hoje dormiu connosco) no lusco fusco da luz matinal, percebi que ele tinha a cara escura. Quando acendi a luz, parecia um filme de terror, ele tinha a cara coberta de sangue, bochechas e tudo, mãos, lençóis e só quando fui a correr com ele para a casa de banho e lhe lavei a cara é que me convenci que era uma hemorragia do nariz. Antes disso, todos os piores cenários me passaram pela cabeça.
Hoje já esteve bem melhor, comeu muito bem e não esteve prostrado nem teve febre, no entanto, ao fim do dia, deu com a cabeça contra a esquina da porta e ficou com um galo todo negro na testa.

9 comentários:

Um pedaço de azul... um BloGui diferente disse...

As melhoras :-(.
Beijocas

sofia disse...

Que não seja nada de mais
As melhoras
Beijinhos

Kátia e Fábio disse...

Maia vele nem falar para não chamar!
As melhoras rápidas..
:)***

Sofia,Pedro e Joana disse...

Oooh, as melhoras bem rápidas, depois conta-nos como correu a consulta!
Beijinhos,Sofia,Pedro e Joana

patrícia disse...

Ohhh...
As melhoras :)

O diabo está nos detalhes disse...

um bébé doente já não é um pequenino: é um semi pequenino, um quase adulto no seu sofrimento, a quem nós queremos desesperadamente tirar todas as maleitas nem que seja para ficarmos nós com elas. e o dilema de tudo isto, é que não podemos. temos que ficar a vê-los sofrer e a tentar suavizar-lhes o sofrimento com vigilias e amor.

(o nosso pediatra chama-lhes gatinhos... :)

Pimpinelas disse...

Um susto, realmente. Ontem também tivemos um cá em casa.
As melhoras rápidas do M. :)

Supertatas disse...

mas mas mas
foi das gotas para o nariz?
puseste-lhe neosinefrina outra x??

Belita disse...

As melhoras!