quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Na semana passada

Marquei a consulta (atrasada) dos 18 meses para hoje. Como não estava doente há quase 3 semanas pensei que fosse desta que levasse as vacinas, mas não, claro que nestes entretantos desenvolveu uma horrível constipação (mais ou menos parecida com a minha) e o médico achou por bem esperarmos mais uma semana. 
De resto está magrito, tem 85cm e ainda não chega aos 11kgs, mas pronto, come lindamente, pelo que não posso fazer nada. Também já tem 16 dentes, portanto não tem mais dentes para nascer, diz que agora só daqui a um ano, ano e pouco,  é que nascem mais molares; um pouco de tréguas, graças a deus!!!
Aproveitei para falar desta fase de mimo-extremo que está a passar - que só quer a mamã, colo a toda a hora, beijos, atenção mais atenção, festinhas para adormecer, acordar a meio da noite para vir para a minha cama, etc etc - e diz que é normal, muito normal e que nos próximos meses tudo será pior, que os dois anos são terríveis.
Muito animador : |

6 comentários:

Pedro Couto e Santos disse...

O teu minúsculo lembra-me o Tiago: muito alto, muito magrinho.

Quando vou buscar à creche fico sempre surpreendido com o ar de bebé dos outros 9 miúdos; o Tiago não tem nada a ver, é enorme e parece mais crescido.

Em contrapartida, todos os outros 9 já sabem dizer "Tiago" e ele não. :-)

Sr disse...

Olha o que interessa é que ele comem bem, ele logo tem tempo de engordar. Quanto aos 2 anos não achei nada terríveis, é uma fase muito gira, quando eles começam a ficar mais independentes, e a das descobertas, a fase dos porquês. Aproveita-a pois ela não volta atrás.Jokas.

Mamã Pirata disse...

Animador sim srª.

Tu toma vitaminas que vais precisar mais que Ele.

EHEHE!

Sofia, Pedro e Joana disse...

Olá mamã, e eu a pensar que os dois anos traduziam uma independência crescente...afinal ainda vou poder disfrutar da mãezite-aguda durante uns tempos largos :-)
Beijinhos,Sofia,Pedro e Joana

Patrice disse...

Os 2 anos?!! Então espera pelos 3! Não vem a meio da noite para a minha cama. Abanca-se lá antes de dormir e já não sai! Até porque já não é a cama da mãe. É a cama da S.! Colo? Atenção? Mimos? Nem na casa de banho posso estar sózinha! Credo, e até eu já me trato por "mãe"!
Oh Mãe... Oh Mãe... Oh Mãe... Oh Mãe... Oh Mãe...

Gaivota disse...

Por aqui o cenário é muito parecido. Temos de ter muita paciência...